espaço que alicia o pensamento, particularmente o perverso
17
Jan 05
publicado por rogerio, às 19:26link do post | comentar | ver comentários (3)
Romário, em declarações a mais de meia dúzia de jornais e televisões brasileiras, e depois de saber, por fontes fidedignas, que Pelé achava que este deveria abandonar a carreira futebolística, acabaria invariavelmente por ofender o mago do futebol mundial, com acusações tão directas e ofensivas como as seguintes: “Pelé calado é um poeta…” ou “Ele só diz merda!”. É claro que pelo meio ainda teve tempo para elogiar o seu homólogo, atribuindo-lhe o estatuto de “Deus do Futebol” e “Grande ícone brasileiro”.
Dias antes, Romário dizia que iria abandonar definitivamente a sua carreira, facto que desmentiria naturalmente no dia seguinte.
Depois de Maradona, é a vez de Romário se juntar ao grupo restrito dos ‘amigos da cocaína’. As suas declarações são infames e reprováveis, para além de ilógicas e pouco entendidas, algo que só se poderá explicar com o consumo excessivo de drogas pesadas. É claro que isto não passa de pura especulação: o grupo dos ‘amigos da cocaína’ na realidade não deve ser assim tão restrito…

(A proximidade da Colômbia explica muita coisa…)

mais sobre mim
Janeiro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

21
22

23
25
26
27
28
29

30
31


arquivos
2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

2005

pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO