espaço que alicia o pensamento, particularmente o perverso
17
Jan 05
publicado por rogerio, às 19:26link do post | comentar
Romário, em declarações a mais de meia dúzia de jornais e televisões brasileiras, e depois de saber, por fontes fidedignas, que Pelé achava que este deveria abandonar a carreira futebolística, acabaria invariavelmente por ofender o mago do futebol mundial, com acusações tão directas e ofensivas como as seguintes: “Pelé calado é um poeta…” ou “Ele só diz merda!”. É claro que pelo meio ainda teve tempo para elogiar o seu homólogo, atribuindo-lhe o estatuto de “Deus do Futebol” e “Grande ícone brasileiro”.
Dias antes, Romário dizia que iria abandonar definitivamente a sua carreira, facto que desmentiria naturalmente no dia seguinte.
Depois de Maradona, é a vez de Romário se juntar ao grupo restrito dos ‘amigos da cocaína’. As suas declarações são infames e reprováveis, para além de ilógicas e pouco entendidas, algo que só se poderá explicar com o consumo excessivo de drogas pesadas. É claro que isto não passa de pura especulação: o grupo dos ‘amigos da cocaína’ na realidade não deve ser assim tão restrito…

(A proximidade da Colômbia explica muita coisa…)

O Romário não consegue interromper sua carreira futebolística pela quantidade de filhos que tem (um de cada mãe diferente).
Quanto ao Pelé, este já não existe mais...
quem está no seu lugar é Edson Arantes do Nascimento, um bosta.
Acho que prefiro o... hum... ééééé... Garrincha!

Roger (esse é o seu nome?) o seu blogue é excelente, surpreendente... apesar de novato, fiquei deveras orgulhosa com a sua visita na Seção Karinassa. Seja sempre muito bem-vindo por ali.
Fiz um comentário em cada um dos seus posts, e assim pretendo continuar.

Uma perguntinha (já que também utiliza a hospedagem do sapo e o template original de fábrica). Como posso inserir links no espaço que diz "links"? Imagino que seja uma pergunta imbecil... mas confesso, agora, que sou analfabeta funcional, em âmbito internético.

Um grande abraço!
Karinassa a 18 de Janeiro de 2005 às 11:07

É muito complexo avaliar e julgar as situações que podem conduzir alguém ao consumo de droga, estou de acordo com o comentário anterior.A atitutde a ter é a manter a lucidez e fazermos alguma coisa para mudar se disso formos capazes.
Angel a 18 de Janeiro de 2005 às 10:34

Amigo, nestas coisas...o melhor é não fazer grandes "coments". Considero a dependência uma
doença e não uma delinquência. Daí, não gosto de
atirar pedras...porque todos temos telhados de vidros e também...no melhor pano cai a nódoa...

Depois, todos tem direito à sua liberdade de expressão e à sua verdade...A nós resta-nos
manter o nosso descernimento e lucidez.

Fica bem. Beijinhos
betania a 17 de Janeiro de 2005 às 21:55

mais sobre mim
Janeiro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

21
22

23
25
26
27
28
29

30
31


arquivos
2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

2005

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO